27/03/2019

DIRETOR – EDIÇÃO 10 – 2018-2019

Os conselhos do Rotary

 

Em sua complexa estrutura, o Rotary prevê a oportunidade de seus associados emitirem opinião sobre a forma como a organização é governada. Isso se dá por meio dos Conselhos, que são dois.

Um deles é o Conselho de Resolução, que todos os anos se reúne online para votar propostas de resolução que solicitam a análise e deliberação do Conselho Diretor acerca de assuntos não tratados pelos documentos estatutários da organização. Em princípio, toda proposta de resolução deve dizer respeito ao mundo do Rotary como um todo, e não a alguma questão local ou de teor administrativo. Os representantes de todos os distritos votam em propostas submetidas por clubes, distritos, Conselho Diretor do Rotary International e conselho geral ou conferência do RIBI (Rotary International na Grã-Bretanha e Irlanda). Aquelas aprovadas são encaminhadas para análise do Conselho Diretor ou do Conselho de Curadores da Fundação Rotária.

O outro é o Conselho de Legislação, órgão legislativo do Rotary International com poder de alterar os documentos estatutários da organização. Tais documentos são: Estatutos do Rotary International, Regimento Interno do Rotary International, Estatutos Prescritos para o Rotary Club – e que devem ser adotados por todos os clubes – e Regimento Interno Recomendado para o Rotary Club – que pode ser adaptado pelos clubes. A cada três anos, esse Conselho se reúne para analisar e votar itens propostos por clubes e distritos. Este ano haverá Conselho de Legislação, realizado de 13 a 18 de abril em Chicago, EUA.

Para participar de três reuniões anuais do Conselho de Resolução e também do Conselho de Legislação, cada distrito escolhe um representante cujo mandato dura três anos. Os então governadores tiveram até 30 de junho de 2017 para reportar ao Rotary o nome dos representantes de seus respectivos distritos, cuja atuação iniciou em 1º de julho daquele ano e será concluída em 30 de junho de 2020, com participação nos seguintes eventos: Conselhos de Resolução de 2017, 2018 e 2019 e Conselho de Legislação de 2019.

É consenso que o Rotary precisa ser mais ágil em suas decisões e, para isso, o Conselho Diretor apresentou a proposta de que os distritos sejam emparceirados de dois em dois. Com isso, os dois distritos passariam a se alternar no envio de um mesmo representante para ambos. Se for aprovada, já apresentamos também uma proposta para que o Conselho de Legislação tenha frequência bienal.

Vamos nos inspirar para que possamos fazer um Rotary mais ágil e atuante.

Paulo Augusto Zanardi

Diretor do Rotary International

Gestão 2017-2019 | Zonas 22 e 23

Rotary Club de Curitiba-Cidade Industrial | Paraná – Brasil

Compartilhe:

Sobre Revista Rotary 4420

Revista Rotary 4420

  • Email

Enviar comentário

*